Jornalista Inês Marzano

Tuesday, February 19, 2008

Matéria Folha de Contagem

Edição N°431: Obra inacabada é alvo de críticas de usuários

Por Inês Marzano



A revitalização da Estação Eldorado, que estava com data de entrega marcada para julho deste ano, está inacabada. As chuvas chegaram e o transtorno causado pelas obras prejudica os usuários, pois três pistas de circulação dos ônibus ficaram prontas com muita rapidez, enquanto o capeamento da quarta pista encontra-se paralisado.Segundo o estoquista José Martins de Oliveira, os usuários do metrô estão sendo prejudicados com a obra desta pista, que já deveria estar pronta mas, de acordo com a informação prestada por funcionários da obra, os perfis colocados em frente a uma lanchonete foram retirados por ordem da Superintendência da CBTU.

Desorganização

A desorganização é o principal problema da obra, pois os operários estão se concentrando na execução de novas lojas, deixando a quarta pista e a cobertura da passarela, em péssimas condições, razão da reclamação dos usuários que não encontram explicação ou vêem impedimento para ao término da cobertura da passarela. No entanto, a CBTU insiste em dar prioridade à construção de novas lojas, obrigando os pedestres a enfrentar a chuva e a lama.De acordo com o técnico em refrigeração Jerson Pontes, a estadualização do Metrô já deveria ter acontecido, o que certamente contribuiria para evitar os transtornos que sempre são causados pela administração federal. "É um absurdo paralisar as obras de passagem dos pedestres para a construção de novas lojas", afirmou Pontes, ao se indignar com o que considera "falta de consideração com quem paga para utilizar a estação e o metrô".